O Tinder, famoso aplicativo de encontros, está investindo no mercado de cervejas artesanais com seu novo lançamento, voltado para a elaboração de cervejas colaborativas. Através dele, cervejarias e famosos poderão dar “match” entre si e decidir, através do bate papo, sua nova cerveja.

Dois blogueiros de cerveja formam o primeiro casal sacramentado pelo aplicativo. Maria Pelada e Homem Meia Lupo se encontraram e já planejam a receita de sua nova produção – ela definirá quais maltes serão usados e eu, o lúpulo- desvendou Berdinardo Souto, editor do Homem Meia Lupo.

Juntos, decidiram convidar um famoso ator para alavancar as vendas da nova cerveja. Clóvis Basílio dos Santos, o Kid Bengala, ficou responsável por entrar com a levedura, mas por um problema de comunicação acabou levando apenas a dura para a produção, o que gerou um pesado constrangimento.

-Foi uma situação delicada, pois em outra colaborativa, com a cervejaria Campeã, chegamos a chamá-lo, e ele fez a mesma coisa. Na ocasião aceitamos, e chamamos a cerveja de Ménage à Trois. Mas agora não dá, já chega! – esbravejou Berdinardo.

Percebendo a situação, Kid Bengala saiu rapidamente e voltou com o produto combinado a princípio – Sempre que os enólogos me chamam para as produções apronto essa, e eles costumam gostar – afirmou o ator pornô.

Com a novidade, o Tinder espera aumentar o número de matches no seu aplicativo titular, já que o aumento do consumo de bebidas alcoólicas, devido às produções colaborativas, fará com que critérios estéticos tenham menos valor na escolha dos parceiros – hoje temos uma média de 73% dos usuários classificados como feios e incapazes de marcar um encontro sóbrio. Essa campanha se baseia nesses dados para justificar sua razão – afirmou John Tara Adão, diretor executivo do aplicativo.

Anúncios