Pesquisa do HummBop (Humans Utility Master of Mild Bitter Old and Pale) aponta que 6,5% dos estudantes que chegaram após o horário do fechamento dos portões do ENEM (Exame Nacional do Ensino do Mé), estavam ainda nas filas da Punk IPA no IPA Day e não conseguiram comparecer a tempo para realizar a prova. Ao ser informado pela nossa edição que a cerveja já tinha acabado, o desespero no rosto de Che Gotarde era evidente.

-Eu cheguei no IPA Day cedo, por volta as 16h. Estava lá esperando com um amigo para pegar o primeiro copo da Punk, minha cerveja preferida. Não acredito nisso! É muita falta de sacanagem! Eu vim aqui, mas deixei minha namorada guardando lugar na fila. Juro que tava expectativa de beber ela no próximo fim de semana – desabafou Che, com a voz chorosa.

Ao ser questionado sobre a falta de responsabilidade e comprometimento com o estudo por nossos superlativos repórteres, o estudante se defende e afirma que leu 47 livros enquanto esperava por uma cerveja.

-Ficamos aguardando pacientemente na fila enquanto não chegava uma explicação da organização. Perdemos a noção do tempo. Meu amigo estava na fila do Hamburger de maritaca com molho de pepino russo e caviar goiano. Ele só ficou pronto na manhã do último sábado, então continuamos na fila para harmonizar.

Segundo a pesquisa, 0,001% dos atrasados justificaram que estavam já na fila para o Lambic Day 2016. José Backer, organizador no IPA Day 2015 e Lambic Day 2016 afirmou que só irá se pronunciar sobre o caso quando o Brasil for campeão mundial de Rugby.

Anúncios