Participantes da Enquete do Bob, comandada pelo jornalista Nobrerto Fonteseca, não vão precisar se preocupar com a declaração de Imposto de Renda 2015. Quem explica a novidade é o especialista em economia etílica e financeira, Gastão Dotudo Combreja.

-O nível de detalhamento da pesquisa é até mais extenso do que o da declação anual. Sabendo quais cervejas são bebidas, os bares que frequenta e as viagens feitas, os fiscais da Fazenda já terão as informações necessárias e o boleto para pagamento será enviado pelo email cadastrado no sistema do Bob.

Segundo as contas de Gastão, cada leitor precisará de entre 39 e 52 semanas de leitura ininterrupta para conhecer todos os votos da edição 2015. Nobrerto comemora o sucesso de mais uma edição.

-É um trabalho extenso, mas muito gratificante. Tenho clara a meta de até 2018 substituir o Censo do IBGE pela Enquete do Bob.

Alguns participantes, porém, já entraram com pedido de votação retificadora para excluir as garrafas de Deus e Utopias da sua lista, com medo de taxação muito alta.

Anúncios