Começou com a famigerada Maracujipa e depois foi ladeira abaixo: Olívia IPAlito, Sucuripa, IPA Nema. Pensando nisso, o MAPA (Ministério da American Pale Ale) lançou uma cartilha apresentando opções legais que muitos cervejeiros desconheciam. O Ministro, Dr. Joca Scade Amarillo, revelou que tem precisado de remédios para dormir após ler o nome das últimas cervejas lançadas. Diz o documento:

“Venho por meio desta comunicar à toda a nação cervejeira do Brasil que agora é permitido lançar nomes de cervejas do estilo IPA sem usar trocadilhos no nome. O Ministério da American Pale Ale (MAPA), juntamente com o Departamento Mais Sommelier (DMS), vem a público manifestar a possibilidade de lançamento de cervejas com nomes mais criativos e menos cretinos. A cota de boas piadas se esgotou em 2012, mas os cervejeiros continuam usando deste famigerado artifício.

Fica, também, preventivamente, proibida a utilização das seguintes combinações para cervejas:

-Fruta + IPA na mesma palavra (Ex. Abacatipa, Uvipa)

-Bairro ou cidade + IPA na mesma palavra (Ex. Ipaperuna, Biriguipa, Piauipa, Catumbipa)

-Qualquer palavra que termina com i e se adiciona o “pa” no final (Ex. Nem aipa, evoluipa)

Brasipa, uma ipaís lupulado,

Joca Scade Amarillo

Ministro da American Pale Ale

Anúncios