Por Michael Jackson

Beer Hunter e Rei do Pop, Editor-Chefe do Cervejonalista

Fui forçado a abandonar os ensaios de mais uma turnê mundial da minha carreira paralela de Rei do Pop para defender o Cervejonalista das acusações injustas que vem sendo feitas, reiteradamente, por diversos leitores fortuitos destes vastos rincões das interwebz.

É absolutamente inaceitável.

Irresponsáveis lançam suspeitas de que nossos posts reflitam – de alguma forma – a realidade. Marcam os amigos, que chegam meio desorientados e começam a escrever longos e numerosos comentários mimimizando sobre o absurdo de tais situações e

Colocam assim em dúvida o nosso compromisso inquebrantável com a falta de verossimilhança e com a “zuêra”, princípio essencial do primeiro (e até onde sabemos, único) conglomerado de humor cervejeiro do mundo.

Em momentos como este, mais do que nunca, é necessário reafirmar nossa missão: mostrar notícias de verdade sobre cervejas de mentira, e vice-versa.

Nem mais, nem menos.

Anúncios