Seguindo a tendência vintage, a cervejaria Faxe lançou uma campanha voltada para o público cervejeiro de 1980, quando o machismo era algo bacana e perfeitamente aceitável na sociedade. A ação publicitária afirma que “Homens de Verdade” não cheiram suas bebidas no ato do consumo, numa clara referência aos caçadores de características nos estilos de cerveja. O especialista Vicente Xeiridie Nadia, contratado pela Faxe, falou com o Cervejonalista sobre as intenções da campanha.

– Nossa marca passa por um momento de consolidação, e ainda estamos aproveitando os frutos de vender um litro de 10% de álcool por 15 reais. Por que incentivaríamos o consumidor a cheirar esse produto? Se é para sentir cheiro de esmalte, vá para o salão de beleza! Chegamos a pensar em recomendar o serviço de copo zero grau para inibir os aromas, porém ficamos com medo do flagrante do Sommelier da Depressão – afirmou Vicente.

Mostrando que está perfeitamente antenada com as tendências mais retrógradas do mercado cervejeiro, a cervejaria adiantou em seu site algumas sugestões ainda em discussão no departamento de marketing, bem como a “homem de verdade só bebe no bico” e “sabor pra quê, se você só precisa ficar bêbado?”.

Anúncios